segunda-feira, abril 07, 2008

Afinidades

"Muitos livros devem o seu sucesso à afinidade entre a mediocridade das ideias do escritor e as do público."


Ao ler a frase acima, sim, de novo ele, Sebastien-roch de chamfort, logo me veio à cabeça o sucesso de Paulo Coelho - uma literatura superficial para leitores em busca de uma espiritualidade superficial.
E não é só para os livros ou para as artes em geral que a mediocridade é ingrediente para o sucesso - infelizmente no âmbito da política muitos candidatos são eleitos graças à afinidade entre a ignorância profunda do candidato e do público. Vide bula, ops, vide Lula!

4 comentários:

Rafael Zuchi disse...

Otimo post fascista! Parabéns!

Rodrigo disse...

De literatura eu não entendo =/


Blog Silence

DuDu Magalhães disse...

A mediocridade é o que faz o nosso mundo girar, por mais trisque que seja é uma verdade que não deveria existir...

Paulo Coelho, uma espiritualidade superficial que faz com que seus leitores se tornem seres superficiais em todos aspectos das suas vidas, e seres superficiais não conseguem gritar por melhorias...

há que saudade da ditadura!

Mais um... disse...

Saudade da ditadura? Será que só nos restam soluções ditadorais? A democracia tem dos seus problemas, é verdade, mas acho q são preferíveis...